Diversidade e inclusão: 4 dicas para criar a sua squad de diversidade

5 minutos para ler

Infelizmente a desigualdade social ainda está presente dentro das relações de trabalho, fazendo com que seja cada vez mais importante debater o tema dentro do ambiente corporativo. Dito isto, fica a questão: como está a preocupação da sua empresa com questões de diversidade e inclusão?

No Brasil, de acordo com a pesquisa “Diversidade e Inclusão (D&I) nas empresas” feita pela Consultoria Mais Diversidade e a Revista Você RH, a pauta sobre diversidade e inclusão corporativa ainda tem pouco destaque. Em média, 65% das empresas nacionais não possuem um programa de D&I estruturado, através de estratégia e planejamento, então acabam fazendo apenas ações pontuais.

A pesquisa também demonstrou que apenas 28% das empresas brasileiras têm uma área específica para o tema. Com o objetivo de reduzir estes números, decidimos reunir algumas dicas para que você possa construir uma squad de Diversidade e/ou grupo de afinidades na sua empresa – iremos explicar mais sobre isso ao longo deste artigo.

Por que é importante investir em diversidade e inclusão?

“Eu sou um problema”, “O mundo me doía”. Através da fala do co-fundador do Pride Connection Brasil e Líder de D&I no Nubank, Filipe Roloff, demonstrou na TEDxUnisinos, por que a diversidade é tão necessária dentro das organizações: ela permite que as pessoas não se sintam um problema, nem se sintam erradas ou julgadas por serem exatamente quem são.

Talvez você esteja se perguntando se a sua empresa é um ambiente plural agora, não é? A resposta para isso está nos membros que fazem parte dela: pessoas pretas e indígenas, mulheres, portadores de deficiência física e intelectual, a comunidade LGBTQIA+ e os idosos.

Se a sua empresa ainda não conta com todas as pessoas deste grupo, é a hora de investir em iniciativas que mudem esta realidade, seja por meio de processos seletivos mais inclusivos, a criação de um banco de vagas afirmativas ou até mesmo a abertura de vagas exclusivas para estas pessoas, etc.

Ainda parafraseando o palestrante, Filipe Roloff, é sempre importante lembrar que “na verdade a diversidade é a solução, pois somente por meio dela as pessoas podem se sentir mais felizes e seguras em seus trabalhos!

São muitos os benefícios em praticar o respeito e valorização as diferenças, podendo até mesmo ser contabilizado com uma pesquisa realizada pela consultoria McKinsey. O estudo realizado em 2020 pela empresa, demonstra que instituições que adotam a diversidade relatam níveis muito mais altos de inovação e colaboração.

Não existem dúvidas, investir em trazer maior diversidade para a sua empresa é o caminho certo se você busca um ambiente livre, criativo, inovador e seguro para ser quem se é.

Dicas para construir a sua Squad de diversidade

Antes de qualquer coisa é importante saber que um comitê de diversidade é formado por pessoas com diferentes vivências e experiências, que através de seus feedbacks, ajudam a realizar maior inclusão, bem como realizar mudanças culturais dentro da organização.

Regularmente o comitê de diversidade se reúne para pensar ações e acompanhar como a organização vem colocando esta pauta em prática. Abaixo você poderá acompanhar como o Comitê de Diversidade pode estar presente na sua empresa:

Ferramentas Gratuitas para facilitar a rotinaPowered by Rock Convert

Realize uma parceria com o RH

Pensar em ações para reter e promover talentos de grupos minorizados pode ser uma boa opção para uma parceria entre a squad de Diversidade e o RH. Na Datum, por exemplo, optamos por ampliar ainda mais nossas oportunidades para as pessoas destes grupos através de um Banco de Vagas afirmativas.

Forme uma equipe diversa

Por mais óbvio que possa parecer, é importante que pessoas de áreas e cargos diferentes participem desta squad, afinal a proposta é trazer um olhar amplo e diverso para o dia a dia na empresa. No entanto, é importante lembrar que todas as pessoas devem se sentir convidadas a fazer parte deste projeto, para que assim possam dividir as tarefas do comitê para que ninguém se sinta sobrecarregado.

Incentive conversas pertinentes

A sua squad de diversidade pode tocar outras pessoas através da reflexão sobre temas que atravessam a vida dos grupos minorizados. Incentivar uma conversa aberta e honesta, além de trazer mais informações sobre estes assuntos, ainda instiga maior empatia de todos os colaboradores da empresa.

No planeta roxo, já realizamos palestras e ações bastante especiais para alertar sobre o Dia do Orgulho LGBTQIA+, o Dia da Consciência Negra, Mês da Luta contra a Gordofobia, etc. Nossa luta se resume a oferecer um ambiente seguro e livre para todos os datunian@s e sabemos que estes passos são essenciais para isso.

Engaje a alta liderança no debate

Conforme falamos anteriormente, a participação de pessoas em níveis diferentes dentro da empresa é extremamente importante. No entanto, poder contar com um colaborador que tenha um cargo mais alto ajuda a promover e dar maior visibilidade para o comitê, fazendo com que ele consiga realizar mais.

Analisando os resultados obtidos por meio de uma squad de Diversidade

É importante lembrar também que apenas contratar profissionais, não é suficiente. Em um mundo repleto de preconceitos, formar uma squad de Diversidade é um grande passo para a busca por um ambiente mais igualitário.

Monitorar se os profissionais estão agindo de forma respeitosa com todos os colaboradores é um dos pilares de uma empresa que busca oferecer bem-estar para seus profissionais. Incentivar uma troca de experiência, permite que as pessoas conheçam diferentes realidades e com isso se tornem mais empáticos.

Ao agir no coletivo, adotando um ambiente diverso e inclusivo, automaticamente contribui-se para uma sociedade mais humana, igualitária e segura. Se você ainda não tem um Comitê de Diversidade, repense, pois todas as pessoas merecem se sentir acolhidas em seu ambiente de trabalho.

Você também pode gostar

Deixe um comentário