Quais são as novas tendências de transformação digital na saúde? Conheça agora!

6 minutos para ler

A transformação digital na saúde é uma realidade. Podemos dizer que os avanços em diagnóstico e tratamento de doenças está diretamente relacionado com a aplicação da tecnologia em pesquisas do segmento.

Hoje, a profissão médica está cada vez mais atrelada ao conceito de inovação, e novas tecnologias estão chegando, de maneira mais rápida no mercado. Com certeza, os mais beneficiados são os pacientes, que contam com métodos mais seguros e eficazes. Isso contribui para a melhora na qualidade de vida e na sua expectativa.

Se você ainda não conhece as tendências de transformação digital na saúde, fique tranquilo, pois vou apresentar as principais que estão ganhando mais força no dia a dia. Continue a leitura e saiba mais.

Telemedicina

O conceito de telemedicina já vinha sendo tratado nos principais contextos de comunicação, e ganhou mais força em decorrência da pandemia de Covid-19. A necessidade de distanciamento, em decorrência da alta taxa de transmissão do vírus, fez com que a telemedicina se fortalecesse.

Hoje, muitos hospitais e planos de saúde oferecem o atendimento médico via videoconferência. É claro que essa frente é aplicada somente para casos de consultas ambulatoriais, e não de urgência. No entanto, é um avanço de destaque, pois traz segurança e praticidade tanto para o paciente quanto para a equipe médica.

A tendência é que, com o aprimoramento de novas tecnologias, como os robôs, seja possível realizar consultas mais complexas por meio da telemedicina. Inclusive, a aplicação de robôs para cirurgias a distância é uma realidade, mas que está em fase de desenvolvimento e de melhorias. A China foi o primeiro país a realizar uma cirurgia remota, por meio de robô e tecnologia 5G, em 2019.

Analytics

O uso de analytics (análises) é algo muito natural quando pensamos nas Ciências Médicas. A diferença é que, hoje, os profissionais da medicina contam com o suporte de ferramentas de Business Intelligence (Inteligência do Negócio) para agilizar e melhorar a qualidade de diagnósticos.

Esses recursos tecnológicos contam com a inteligência artificial, que é a base para o aprimoramento contínuo, conhecido como machine learning (aprendizado da máquina). Assim, os relatórios se tornam cada vez mais precisos. Isso é essencial para ter uma resposta rápida ao paciente e garantir mais eficácia no tratamento.

É interessante destacar que a cultura data driven (guiada a dados) na medicina também ajuda os médicos que fazem o acompanhamento contínuo dos pacientes. Então, é possível monitorar de forma automatizada e com riqueza de informações como está a saúde do paciente.

Internet das Coisas

A Internet das Coisas, ou IoT (Internet of Things), com certeza, é um dos grandes avanços da tecnologia para todas as áreas possíveis. Ela é mais comum quando pensamos no conceito de casa inteligente. Por meio dela, é possível integrar objetos físicos, usando um software com acesso a rede de Internet.

Exemplo prático disso são os assistentes de voz, como o Google Assistente e a Alexa, da Amazon, que acionam dispositivos quando recebem o comando do usuário.

E-book Cultura Data DrivenPowered by Rock Convert

Dessa forma, o usuário pode ativar um dispositivo, como o alarme de casa, estando de qualquer lugar do mundo. Interessante, não é verdade? Essa mesma tecnologia é aplicada em consultórios e hospitais, facilitando até o monitoramento do estado de saúde de pacientes.

Relógios inteligentes

Um dispositivo que está cada vez mais popular e já faz parte da rotina de muitas pessoas são os relógios inteligentes. Esses recursos permitem que o próprio usuário monitore sua qualidade de sono, sua frequência cardíaca, e até colete dados em relação ao seu gasto calórico.

É uma ferramenta que usa a inteligência artificial para o monitoramento contínuo da saúde do usuário. Com o relógio integrado a um aplicativo, o usuário pode acompanhar todos os dados de comportamento do seu corpo.

As informações coletadas de forma contínua, com certeza, são de extrema utilidade para o médico que realiza o acompanhamento dessa pessoa. O interessante é que os relógios inteligentes tem versões com preços acessíveis e o investimento vale a pena.

Ultrassom 3D

Talvez esse seja um dos avanços mais populares, quando pensamos em transformação digital na saúde. É um recurso muito usado por médicos obstetras para acompanhar a evolução de gestações. Hoje, é uma tecnologia que tem sido implementada em diversas frentes médicas.

Uma das aplicações de destaque tem sido na odontologia, principalmente, na segmentação estética. Esse recurso é essencial para que intervenções sejam realizadas de forma precisa, como em procedimentos de harmonização facial. Essa tecnologia permite o escaneamento 3D da face do paciente e ajuda a identificar os locais que devem sofrer interferência.

Impressoras 3D

Podemos dizer que o ultrassom 3D e as impressoras 3D caminham juntos. Por meio do escaneamento feito pelo ultrassom, é possível gerar a impressão em três dimensões do que foi copiado. É interessante destacar que vemos essa aplicação ganhando força na odontologia, e há outra frente em desenvolvimento: a de órgãos sintéticos.

Até pode parecer coisa de filme de ficção científica, mas há estudos em andamento que conciliam a impressão 3D com a biotecnologia para a criação de órgãos sintéticos. Esse é um caminho para acabar de vez com testes em animais e, até mesmo, reduzir a fila de transplantes no mundo.

Experiência do cliente

Todos esses recursos, juntos, são essenciais para melhorar a experiência do paciente, que é o cliente do consultório ou do hospital. No entanto, vale destacar que é interessante investir em tecnologia direcionada para esse tipo de gestão. É uma frente interessante para médicos que atuam de forma independente em clínicas e hospitais privados.

A profissão também é um negócio e você deve ter atenção para a forma com que a relação da sua marca com os pacientes é construída. Investir em um software de CRM (Customer Relationship Management, ou Gestão de Relacionamento com o Cliente), ou em soluções de cloud computing (computação em nuvem), pode otimizar a experiência do seu cliente.

Além disso, esses recursos são essenciais para reduzir custos operacionais e melhorar a produtividade na gestão da clínica, consultório ou hospital. É preciso digitalizar os processos não somente no diagnóstico e tratamento do paciente, mas na gestão do seu negócio.

Interessante como a transformação digital na saúde está se desenvolvendo de maneira acelerada, não é verdade? Com certeza, há muitas novidades chegando no mercado, e você deve ter atenção para garantir que elas sejam ofertadas aos seus pacientes. Isso é essencial para potencializar a boa reputação da sua marca.

Você também pode gostar

Deixe um comentário